Home / Cidades / Dentro do prazo estipulado pela Prefeitura, poço artesiano volta a funcionar na Iguaçu Norte, em Cruz Machado

Dentro do prazo estipulado pela Prefeitura, poço artesiano volta a funcionar na Iguaçu Norte, em Cruz Machado

No início do mês de abril, a reportagem do Canal 4 TV publicou uma notícia retratando as dificuldades que uma comunidade no interior de Cruz Machado estava sofrendo. A comunidade de Iguaçu Norte estava sem água potável à aproximadamente 10 meses.

O caso ganhou repercussão em um rádio local que expôs a situação. A reportagem do Canal 4 TV se inteirou sobre o problema e solicitou informações da Prefeitura Municipal que explicou a situação e se comprometeu eu resolver em um prazo curto de tempo.

O poço artesiano que atendia a localidade acabou apresentando problemas em uma bomba e estava sem funcionamento, causando todo este transtorno a comunidade. A Prefeitura também ressaltou na ocasião, que estava ciente do assunto e trabalhava para solucioná-lo.

Em uma nota enviada para a reportagem do Canal 4 TV, a Prefeitura assumiu o comprometimento de resolver o problema. “Estamos seguindo todos os trâmites corretos para resolver o problema e acredito que no máximo na próxima semana, será reinstalado e ligado novamente para os moradores“, garantiu.

No inicio desta semana o poço artesiano foi reativado novamente. A prefeitura cumpriu com o que havia prometido e as pessoas que residem na localidade já estão podendo usufruiu de água potável.

A realização deste trabalho não se concretiza em uma grande benfeitoria da Administração da cidade, pois é dever garantir o mínimo a população, entretanto, demonstra que por mais que existam dificuldades, a Prefeitura está aos poucos tentando resolver, na medida de possível.

Para a reportagem do Canal 4 TV é uma satisfação colaborar com a comunidade que teve voz neste mês de abril e o resultado, foi ter o problema solucionado.

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.