Home / Destaque / Paraná registra uma morte por consumo de álcool a cada seis horas

Paraná registra uma morte por consumo de álcool a cada seis horas

Fonte: Bem Paraná

Final de ano. Época de festas, reunião com os amigos, dias de calor. Uma ótima pedida para uma cerveja ou até mesmo algo mais forte. Mas atenção: se for beber, o faça com moderação. Segundo informações do Ministério da Saúde, a cada 6 horas e 24 minutos uma pessoa morre no Paraná em decorrência do consumo inadequado de álcool. Além disso, a cada hora e meia uma pessoa é internada no Sistema Único de Saúde (SUS) por causa da droga.

Os dados, levantados pelo Bem Paraná com base nas informações disponibilizadas pelos Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS) e Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde, revelam que entre 2012 e 2016 (último ano com dados disponíveis sobre mortalidade) foram registrados 6.834 óbitos relacionados ao consumo de álcool, no estado, enquanto o total de internações chegou a 28.608. E isso tudo apenas no Paraná.

Com relação às mortes, a grande maioria dos casos (60,2%) é referente à doença alcoólica do fígado. Em seguida aparecem os casos de transtornos mentais e comportamentais devido ao uso da droga (38,7%) e, bem atrás, os casos de envenenamento acidental por exposição ao álcool (0,8%), de auto-intoxicação voluntária (0,2%) e de envenenamento alcoólico cuja intenção não pôde ser determinada (0,1%).

Para efeito de comparação, entre 2012 e 2016 o álcool matou, no Paraná, mais que o dobro do que doenças como o HIV (vírus da imunodeficiência humana), que vitimou 3.076 pessoas no período, e quase 10 vezes mais do que outras drogas como cocaína, canabinóides, solventes voláteis e alucinógenos, responsáveis por 703 óbitos nesses cinco anos.

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.