Programa Cartão Comida Boa vai beneficiar quase 19 mil famílias carentes da região da AMSULPAR

Programa Cartão Comida Boa vai beneficiar quase 19 mil famílias carentes da região da AMSULPAR

Quase 19 mil famílias da região da AMSULPAR serão beneficiadas pelo Cartão Comida Boa. O programa do Governo do Estado vai distribuir a partir desta semana vales de R$ 50 a famílias carentes para a compra de alimentos em mercados credenciados junto à Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab). O auxílio emergencial terá duração de três meses, com possibilidade de prorrogação caso a pandemia do coronavírus se estenda por mais tempo. No total, a estimativa é distribuir 1 milhão de cestas de alimentos pelo Paraná.

“Em momentos como o de hoje, o poder público deve estar ainda mais próximo da população e agir com eficácia para minimizar os efeitos da pandemia, principalmente sobre os mais carentes. Por isso, foi criado o programa Cartão Comida Boa em complementação a uma série de outros benefícios do Governo do Estado e também do Governo Federal. É fundamental que o poder público esteja ao lado de quem mais precisa agora”, afirmou Hussein Bakri.

Nesta semana, o Governo está repassando os cartões às prefeituras para posterior distribuição às famílias em situação de vulnerabilidade social. Na região da AMSULPAR, esse procedimento é feito por Carlos Rasera, Chefe da Regional da Seab, e por André Aleixo, Chefe da Regional da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf). Ambos estão visitando cada uma das 9 cidades para entregar os cartões aos prefeitos e coletar as assinaturas dos termos de adesão ao programa estadual.

Cada cartão contém um QR Code de segurança, que permite realizar compras de produtos da cesta básica em mais de 2 mil mercados. Nos municípios da AMSULPAR, 18.767 famílias terão acesso ao benefício (veja dados abaixo).

Para ter direito ao cartão, é preciso ser maior de 18 anos (à exceção de mães adolescentes), ter renda familiar mensal per capita não superior a meio salário mínimo e renda familiar que não passe de três salários mínimos. O programa limita a dois membros da mesma família o recebimento do vale e não estão incluídos no cálculo da renda familiar os rendimentos do programa Bolsa Família.

Pelo portal www.cartaocomidaboa.pr.gov.br ou pelo telefone 0800-200-4150, os interessados poderão obter informações sobre o auxílio, inclusive os locais de retirada dos vales e os estabelecimentos comerciais credenciados.

MUNICÍPIO – FAMÍLIAS BENEFICIADAS
Antônio Olinto – 1.166
Bituruna – 2.552
Cruz Machado – 2.213
General Carneiro – 2.203
Paula Freitas – 563
Paulo Frontin – 474
Porto Vitória – 466
São Mateus do Sul – 3.982
União da Vitória – 5.148
TOTAL – 18.767