Vacinação contra a gripe termina na terça-feira dia 30 de junho

Vacinação contra a gripe termina na terça-feira dia 30 de junho

A Secretaria Municipal de Saúde de União da Vitória, comunica a sociedade que na próxima terça-feira, 30 de junho, termina o prazo estipulado pelo Ministério da Saúde para a vacinação contra a gripe, também conhecida Influenza (H1N1). A vacinação é gratuita e o morador deve ir até a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima de sua residência.

Foto: Geraldo Bubniak / AEN

Segundo informações repassadas pela Secretaria Estadual de Saúde do Paraná para os municípios, até o dia 25 de junho, no sistema foi feita a vacinação em 100% para Idosos e Trabalhadores da área da Saúde, mas a preocupação é para três grupos que não chegaram a ter 50% de imunização que são eles: gravidas 31%, crianças de seis meses a cinco anos 39% e portadores de doenças crônicas 49%.

Em União da Vitória, o secretário Municipal de Saúde, Ary Carneiro Junior, destaca que a pouco procura foi por parte de gestantes e crianças. “Queremos informar a sociedade que na próxima terça-feira, dia 30, termina o prazo para a vacinação contra a gripe. Em União da Vitória, as Unidades Básicas de Saúde, estão abertas para receber os grupos prioritários. Quero chamar a atenção de gravidas e crianças de seis meses a cinco anos, que estejam indo as unidades para receber a sua doze graciosamente e assim cuidando de sua saúde. Outro ponto que d estaco que a vacinação da gripe não é contra o coronavírus, mas pode ajudar o seu corpo a se manter mais protegido devido ao vírus da gripe”, disse o secretário Ary Carneiro Junior.

Lembrando que os grupos prioritários para receber a vacina contra a gripe são:

– Idosos

– Crianças de seis meses a cinco anos

– Gravidas

– Puérperas (até 45 dias após o parto)

– Pessoas com deficiência

– Pessoas com doenças crônicas

– População privada de liberdade

– Profissionais da Saúde

– Profissionais da Segurança

– Motoristas

– Cobradores

– Caminhoneiros

– Povos indígenas

– Professores da rede pública e privada.

Ao ir na Unidade Básica de Saúde, o morador deve levar o seu Registro Geral (RG) a Carteira de Vacinação e os profissionais deve apresentar algum documento que prove a sua atividade para receber a vacina.